Notícias

Compartilhe:

A arrecadação histórica de R$ 3,1 bilhões registrada em janeiro pelo Fisco Estadual terá impacto direto no montante compartilhado com os municípios de Santa Catarina.

Levantamento do Sindicato dos Fiscais da Fazenda do Estado de Santa Catarina (Sindifisco/SC) mostra que Lages recebeu R$ 11,2 milhões referentes a janeiro, o que corresponde a R$ 960 mil a mais do que o projetado no Orçamento do Estado para 2021 (LOA).

“O Fisco vem garantindo o que é necessário para a manutenção dos investimentos públicos, especialmente na Saúde, que é prioritária neste momento de pandemia. O trabalho dos auditores fiscais não parou e o resultado é uma situação fiscal positiva em Santa Catarina e com impacto direto também para os municípios e os cidadãos catarinenses”, explica o presidente do Sindifisco/SC, o auditor fiscal José Antônio Farenzena.