Notícias

empreendedorismo_3

Compartilhe:

É de 97.947 o número de novos negócios (saldo entre aberturas e fechamentos de empreendimentos) criados no Estado, desde o começo do ano até 3 de novembro. O crescimento é de 14,4% em relação a 2019.

O dado da Junta Comercial do Estado de Santa Catarina  impressiona à primeira vista, mas reflete a extinção de empregos formais (aqueles com carteira assinada) obrigando muitos catarinenses a constituírem empresas próprias.

A formalização do microempreendedor individual foi uma das alternativas para geração de renda desde o início da pandemia do novo Coronavírus.

É o que também revelou o relatório da Jucesc. O Estado apresentou um saldo positivo de 61.994 novas MEIs, resultado de C0.412 constituídas e 18.418 extintas, de 17 de março até o começo de novembro. No ano de 2020, são mais de 82 mil MEIs em solo catarinense.

Outro dado importante, e que indica potencial de retomada da atividade econômica, vem da Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina: o índice de intenção de investimento no Estado marcou 73,2 pontos no mês de outubro, na sexta alta mensal consecutiva, representando o maior resultado para a série histórica.

Via NSCTotal – Coluna Claudio Loetz