Notícias

Compartilhe:

Dentre os nove grupos analisados, oito apresentaram alta. A maior variação foi de 2,24%, relacionada ao grupo de alimentação e bebidas.

A prévia da inflação oficial, calculada pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo 15 (IPCA-15) registrou alta de 0,94% no mês de outubro. Frente ao percentual de 0,45% observado em setembro. Trata-se do maior aumento para outubro em 25 anos. O levantamento é realizado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e foi divulgado hoje (23).

A saber, o IPCA-15 mede a inflação relacionada a um conjunto de produtos e serviços. E IPCA-15 abrange famílias com rendimentos de 1 a 40 salários mínimos. Ele é considerado um prévia da inflação oficial, o IPCA.

Sendo assim, desde o início do ano o IPCA-15 acumula alta de 2,31%. Ao passo que nos últimos 12 meses a variação 3,52%.

Maior alta veio do grupo de alimentação e bebidas

Dentre os nove grupos analisados, oito apresentaram alta. A maior variação foi de 2,24%, relacionada ao grupo de alimentação e bebidas. Isso se deve principalmente ao maior consumo de alimentos em casa, que passou de 1,96% em setembro para 2,95% em outubro. Além disso, o consumo fora de casa também subiu, 0,54%.

Sendo assim, o preço das carnes subiu pelo quinto mês seguido, registrando elevação de 4,83%. O óleo, por sua vez, teve aumento de preço de 22,34%. O arroz, 18,48%, e o tomate, 14,25%.

Via DCI