Notícias

Compartilhe:

Na última semana, a equipe da diretoria de Patrimônio da Secretaria de Estado da Administração, recebeu a visita dos assessores do governador do Paraná, Ratinho Junior. O objetivo foi conhecer o modelo adotado por Santa Catarina para comprar combustíveis que abastecem a frota do Estado, além de outras inovações que ainda serão adotadas pela administração estadual. O assessor especial do Governo do Paraná, Alex Sandro Noel Nunes, disse durante a visita que o estado vizinho também estuda mudanças de gestão e de manutenção da frota e da estrutura estatal, que reflitam em economia aos cofres públicos e que facilitem o controle por parte dos gestores.
Governo catarinense continua economizando combustível com mudança na gestão da frota

A economia em litros de combustíveis, adquiridos pelo Governo do Estado catarinense para abastecer a frota, continua progredindo. Comparando os primeiros quatro meses do ano passado com os quatro primeiros meses deste ano, a economia passa de 530 mil litros, entre gasolina e óleo diesel. O equivalente a percorrer com um carro popular 13 vezes a distância entre a Terra e a Lua. A evolução se deve à mudança na forma de aquisição dos combustíveis, orquestrada pela diretoria de Patrimônio da Secretaria de Estado da Administração, desde o início da atual gestão de Governo. O volume economizado se deve ao aumento no número de postos de combustíveis credenciados pelo estado para realizar o abastecimento da frota. Fazendo com que os veículos tenham que rodar menos para abastecer e oferecendo a possibilidade do motorista optar, por meio de um aplicativo, pelo posto que oferece a gasolina ou óleo mais barato.

 

Com relação à economia financeira, o Estado catarinense também pretende economizar por ano cerca de R$ 6 Milhões de Reais, tanto na compra do combustível como para administrar o sistema de gestão.. No ano passado, pouco mais de 300 postos estavam credenciados para abastecer as viaturas. Agora, já são 693 postos cadastrados para os abastecimentos.

Via Secretaria de Estado da Administração