Destaque

Compartilhe:

Fraudadores estão utilizando o nome do Conselho Nacional de Previdência Complementar para oferecer benefícios previdenciários e extorquir cidadãos. Sob a falsa alegação de que o cidadão teria direito a receber valores atrasados de benefícios pagos pela Previdência Complementar, eles pedem ao segurado que informem dados pessoais e solicitam o depósito de determinada quantia em uma conta bancária, para liberar um pagamento que não existe.

Nos últimos meses o Conselho Nacional de Previdência Complementar (CNPC) tem recebido diversas manifestações sobre o envio de correspondência referente ao resgate das contribuições ao plano de previdência complementar. Ocorre que, o CNPC não envia correspondências, links e nem faz ligações para tratar sobre valores a receber, portanto, trata-se de tentativa fraudulenta. Para evitar que pessoas sejam prejudicados com essa prática, favor considerar as orientações abaixo:

  • Em hipótese alguma, clique em links suspeitos enviados por e-mail, WhatsApp ou SMS;
  • Não faça nenhum tipo de pagamento para ter acesso a valores;
  • A única forma segura de checar alguma informação sobre o CNPC, é através da página oficial do Conselho;
  • Ao receber esse tipo de comunicação em nome do CNPC, recomendamos que seja feito Boletim de Ocorrência na Polícia Civil.
  • Por fim, informamos que a Assessoria de Comunicação do Ministério do Trabalho e Previdência elaborou uma Nota de Esclarecimento para situações como essa, que pode ser encontrada no sítio eletrônico do Conselho Nacional de Previdência Social.

Via Conselho Nacional de Previdência Complementar – CNPC