Notícias

Compartilhe:

As exportações de Joinville estão registrando a melhor arrancada em um ano desde 2014. Até agora, as empresas da cidade somaram US$ 291 milhões em vendas externas até março, um avanço de 37% em relação ao mesmo período do ano passado. É o melhor resultado em oito anos – em 2014, as vendas ao Exterior alcançaram US$ 352 milhões. A alta de preços no mercado internacional (até houve expansão nas vendas em volumes físicos, mas não na proporção do salto em receita), aliada ao câmbio favorável, está estimulando as exportações no País.

Os blocos e demais peças para motores continuam liderando a pauta de exportações de Joinville, com uma fatia de 38%. Os compressores de ar ficam em segundo lugar, com 21%. As peças para veículos, com 7,2%, são os outros produtos com mais de cinco pontos percentuais nas vendas externas de Joinville.

A lista dos compradores é fragmentada. Os quatro maiores mercados para os produtos de Joinville (Estados Unidos, México, Alemanha e Argentina), ficam com uma parcela de 50%, somados, com o restante distribuído entre dezenas de países. As importações feitas pelas empresas da cidade não tiveram variação significativa em relação ao ano passado, de 0,4%, alcançando US$ 995 milhões nos três primeiros meses do ano.

Via NSCTotal – Coluna Saavedra